H145M equipado com o sistema de armamentos HForce em voo na Alemanha. Crédito: Christian Keller, Airbus Helicopters

 

No final de agosto, o H145M realizou seu primeiro voo com o sistema de armamentos HForce em Donauwörth, Alemanha. O sistema modular de armamentos foi projetado pela Airbus e pode ser adaptado a todo tipo de armamento guiados e balísticos, como mísseis e foguetes guiados a laser, metralhadoras e foguetes. A qualificação operacional do HForce, para uso no H145M está prevista para 2018.

“Os próximos passos antes da qualificação incluem uma campanha de tiro, testando todo o espectro da missão de fogo com metralhadoras, canhões e foguetes na Hungria, bem como testes dos foguetes guiados a laser na Suécia antes do final do ano”, disse Jean-Luc André, Gerente do Programa HForce da Airbus Helicopters. “Como cliente de lançamento do H145M com o sistema de armamentos HForce, a República da Sérvia encomendou nove aeronaves H145M, incluindo quatro helicópteros de ataque equipados com HForce”, acrescentou.

O HForce é um sistema abrangente de armas modular e econômico que pode ser usado em qualquer versão militar da gama de helicópteros da Airbus (H125M, H145M e H225M). A flexibilidade do sistema de gerenciamento de armas permite que as Forças em todo o mundo complementem suas frotas com versões especializadas de helicópteros leves de ataque.

O H145M é a versão militar do testado e comprovado helicóptero que  teve sua primeira entrega em 2014. Toda a frota de H145 já registrou mais de 60 mil horas de voo. Com um peso máximo de decolagem de 3,7 toneladas, o ágil e leve H145M de ataque, atende perfeitamente as necessidades das Forças Especiais, pode ser usado para uma ampla gama de tarefas, incluindo reconhecimento armado, apoio a fogo terrestre, escolta, transporte tático, MEDEVAC e CASEVAC.

Entre os clientes do H145M estão as Forças Armadas Alemãs – que em junho receberam o seu 15º helicóptero H145M LUH SOF – bem como a República da Sérvia e o Reino da Tailândia.